Conheça alguns mirantes imperdíveis pelo Brasil

Compartilhe essa notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

Do mirante da Janela é possível ver os saltos do Rio Preto que ficam no Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. Crédito: Augusto Miranda/MTur

Normalmente localizados ao ar livre, os mirantes são atrativos perfeitos para satisfazer as exigências do novo perfil de turista, impulsionado pela pandemia de Covid-19, que tende a buscar destinos em meio à natureza ou longe de aglomerações. Eles podem ser feitos de estruturas modernas e impactantes ou ter como único acesso uma trilha de terra no meio da mata. Seja como for, os mirantes sempre têm algo em comum: proporcionam uma vista linda de algum lugar incrível!

E como o Brasil é cheio de paisagens incríveis, existem incontáveis mirantes de Norte a Sul do país. A Agência de Notícias do Turismo selecionou alguns destinos que merecem ser o atrativo principal do seu próximo roteiro de viagem, claro que de forma segura e responsável, seguindo todos os protocolos de biossegurança.

A Região Sudeste conta agora com uns dos mirantes mais modernos do Brasil. Na última semana, o ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, inaugurou oficialmente o atrativo que fica na cidade do Guarujá (SP). O mirante das Galhetas foi revitalizado com recursos do Ministério do Turismo e passou a contar com um piso de vidro do tipo skywalk a 45 metros do nível do mar. A plataforma permite admirar a paisagem da praia do Tombo, um importante atrativo paulista. Ainda na cidade, o ministro também visitou o mirante do Morro da Campina, que também foi reformado e contou com R$ 1 milhão de recursos federais.

O mirante das Galhetas (SP) foi totalmente modernizado com recursos do MTur. Crédito: Roberto Castro/MTur

O município paulista de Presidente Epitácio também ganhou um mirante para contemplar o pôr do sol da cidade, considerado um dos mais bonitos do Brasil. O atrativo contou com mais de R$ 200 mil do MTur para melhorar a experiência dos turistas e moradores da região. Além de São Paulo, o Sudeste conta com inúmeros mirantes com vistas espetaculares, como o Mirante da Mata, em Belo Horizonte, e o icônico mirante do Cristo Redentor e do Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro.

Já a Região Sul oferece cenários deslumbrantes emoldurados pelos pampas, hortênsias, araucárias e vinhedos. O Mirante Gelain, na Serra Gaúcha (RS) proporciona uma vista espetacular do rio das Antas e da Cascata Bordin, no interior de Flores da Cunha. Em Canela (RS), um mirante diferenciado vem atraindo visitantes aventureiros à cidade. O Skyglass é a primeira plataforma de aço e vidro da América Latina e considerada a maior do mundo. O atrativo avança 35 metros sobre o Vale da Ferradura, oferecendo uma vista de tirar o fôlego a 360 metros de altura sobre o Rio Caí.

O Sul do país parece ter uma “quedinha” por mirantes que dão frio na barriga. Em Santa Catarina, o mirante do Parque Turístico Cachoeira Papuã, em Urubici, revela uma vista única da região. Situado a 120 metros do chão, o atrativo possui piso e parapeito de vidro que permitem ao visitante sentir a dimensão da natureza em sua volta e que dá uma emoção a mais ao passeio. O Parque Turístico une um espaço ecologicamente sustentável e acessível a uma das vistas mais lindas da serra catarinense. O Parque Quedas do Avencal, também em Urubici, possui uma estrutura semelhante que permite uma visão deslumbrante da Cascata do Avencal que cai a poucos metros do mirante.

Na Região Norte, o Mirante Edileusa Lóz, em Rio Branco (RR), foi aberto ao público no início de junho. A torre de mais de 100 metros permite que moradores e turistas contemplem a cidade e o Rio Branco ao fundo. Segundo a prefeitura municipal, mais de 200 pessoas visitaram o local no primeiro dia de funcionamento. No Amapá, o mirante da Lagoa Azul da Mina F12 está atraindo muitos turistas apaixonados pelo contato direto com a natureza. Localizado em Serra do Navio, município distante cerca de 200 km da capital amapaense, o espaço foi recém descoberto por um guia de turismo, que enxergou o enorme potencial turístico da região. O atrativo permite uma vista privilegiada da região amazônica e de um lago formado por uma antiga mina de magnésio.

A principal atração do mirante da Mina F12, em Serra do Navio (AP), é acampar no local e acordar com um amanhecer único. Crédito: Wirley Almeida/Guia de turismo e fotógrafo

Na Região Nordeste, por sua vez, opções de mirantes também não faltam. Um dos ícones fica em Fernando de Noronha (PE), o mirante da Baía dos Porcos/Dois Irmãos, proporciona uma imagem estonteante de uma das praias consideradas como mais bonitas do Brasil, a praia do Sancho. E o mirante do Morro Pai Inácio, na Chapada Diamantina (BA)? Também é de deixar o queixo de qualquer um caído.

A beleza do mirante do Gunga, em Alagoas, não fica para trás. Um mar de coqueiros se funde com o mar e o céu azuis, formando um enquadramento perfeito! Na capital alagoana, o Mirante São Gonçalo, um dos mais visitados de Maceió, foi reformado com recursos do Ministério do Turismo. Foram mais de R$ 200 mil em investimentos para melhorar a infraestrutura do ponto turístico. A vista panorâmica do mar, da região portuária e dos atrativos maceioenses atraem milhares de moradores e turistas ao local.

Esta é a vista incrível do mirante do Gunga, em Alagoas. Crédito: Marco Ankosqui/MTur

Ainda no Nordeste do país, outro mirante muito procurado está localizado em um ponto mais urbano, o do Morro Santa Terezinha, em Fortaleza (CE). O atrativo faz qualquer pessoa parar o carro ou a caminhada para admirar o pôr do sol sobre o mar verde do Ceará. O espaço ganhou, no último ano, um elevador sobre trilhos (funicular) que tornou o local muito mais acessível. A melhoria foi realizada com um investimento de R$ 500 mil do Ministério do Turismo e contrapartida da prefeitura da cidade.

E não tem como falar em mirante sem falar na Chapada dos Veadeiros, em Goiás, na região Centro-Oeste.  O local reúne uma coleção de mirantes imperdíveis, como o da Janela, que do alto de cerca de mil metros acima do mar é possível admirar os saltos do Rio Preto, uma dupla de cachoeiras que ficam dentro do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. O Mirante Alto do Céu, na Chapada dos Guimarães (MT), também é um espetáculo à parte na Região Centro-Oeste. Do topo de um paredão, o sol se põe alaranjado no horizonte sobre a cidade de Cuiabá.

 

Outras Notícias

Cultura em São Paulo

Maior Centro Cultural da América Latina São Paulo é considerada polo cultural no Brasil, tendo-se consolidado como local de origem de toda uma série de

Leia mais