Hotéis e pousadas de Socorro conquistam selo petfriendly

Compartilhe essa notícia

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram

As buscas no Google por hotéis com serviços pet friendly cresceram 300% para viagens, de março a setembro de 2020. Já o Hoteis.com, revelou no final de 2020 que 82% dos brasileiros pretendiam viajar com seus animais e que 67% dos entrevistados já levaram seu companheiro de estimação em uma viagem. Com o objetivo de melhor atender este crescente segmento, a Estância Hidromineral de Socorro – cidade turística do Circuito das Águas Paulista e referência em aventura e ecoturismo – lançou o projeto Socorro Destino Petfriendly. Após treinar e capacitar o trade, certifica com um selo os estabelecimentos.

Na estância, os pets sempre foram bem-vindos e recebidos. Mas a ideia agora é ir além e, de uma forma mais efetiva, oferecer bem-estar, conforto e segurança aos pets e aos tutores. “Socorro já saiu na frente porque recebia os pets, mas vamos mudar a chave do aceitar pet para ser petfriendly”, diz Patricia Camargo, especialista em petfriendly do Eu, Você e os Pets, responsável pela consultoria do projeto.

As primeiras hospedagens da cidade a conquistarem o selo pet friendly foram Hotel Fazenda 7 Belo, Pousada Cafuné, Chalés Santa Catarina, Pousada Nativa, Pousada Sons do Silêncio e Pousada Vale das Orquídeas. De piscina a veterinário 24 horas, cada estabelecimento deu um toque especial nas adequações.

Inspiração para o setor, Chalés Santa Catarina é 100% petfriendly e além de cachorros, já recebeu gatos, porquinhos da índia, mini-pig, calopsitas, iguanas e tartarugas. Os pets podem ficar com os tutores em qualquer chalé e circular livremente, com supervisão do tutor. Lá, uma piscina de 18m² é em formato de rampa para facilitar o acesso com segurança dos animais de todos os portes. Um jardim amplo com playground pet e circuito agility garantem a diversão. No espaço de banho pet o próprio dono é quem faz a higienização: tem chuveiro quente e secador mais silencioso. Para uma maior comodidade e higiene, a hospedagem fornece cobre leito exclusivo para o pet, extensor de guia e toalha.

Mesmo com tudo voltado para os pets, foi importante conquistar o selo para passar mais segurança e credibilidade aos hóspedes. “Apesar de já sermos petfriendly, com o treinamento e capacitação para obter o selo vimos que haviam mais alguns detalhes que poderíamos adicionar para melhorar ainda mais o nosso atendimento,o como tela nas janelas para receber aves e gatos e mais bebedouros nas áreas sociais”, conta Andressa Alves Martins, gerente de atendimento ao cliente do Chalés Santa Catarina, que tem como mascotes a cãocierge Brahma e a gata Stella Artois.

A Pousada Sons do Silêncio – inaugurada em junho de 2021 -sempre fez questão de receber os pets; assim, já existiam ganchos, o parque pet estava em construção e um lago disponível para nadar. Após o treinamento, foram colocados cata caca, bebedouro e placas que indicam onde podem transitar. Também fizeram parceria com o veterinário. O selo veio para ensinar, agregar, certificar e “para conhecer melhor o que é ser petfriendly, para que as pessoas confiem mais no que oferecemos; o selo aponta os estabelecimentos que se adequaram de verdade ao bom recebimento dos pets”, diz a proprietária Maria Isabel Lino Pardos Lastiri, que ama receber animais e sempre busca se adequar às tendências. Tranquilidade e atendimento personalizado são características da pousada que estimula vivências, faz questão de ser sustentável e valoriza o comércio local e o crescimento coletivo. 

Pousada Cafuné melhorou o espaço do café da manhã com placas indicativas e disponibiliza recipientes com água e comida. Cata-cacas estão espalhados pelo local. Mas, não basta apenas oferecer infraestrutura. “Foi muito importante o treinamento com os funcionários de como receber e atender o público petfriendly”, conta Viviane Ginghini, proprietária da pousada.

Inaugurada há mais de 20 anos, a Pousada Nativa já aceitava pet, mas optou pelo selo para aprimorar o atendimento. Com isso, colocou placas de sinalização das áreas, lixeiras exclusivas com cata-caca, telas nas janelas, gaiolas para aves, bebedouros e comedouros. “Trabalhar com animais é especial. Eles sabem que estão em um local que são bem vindos e ficam felizes”, diz Maico Benatti Ferraz, sócio da pousada que recebe animais de pequeno e médio porte.

Vale das Orquídeas é outra pousada que conquistou o selo. Antes dele, já destinava as reservas com pets para chalés, onde os quartos são mais espaçosos, no térreo e cercado por gramado e presenteavam com um mimo os pets de pequeno e médio porte que chegavam. As adequações foram: espaço com comedouro e bebedouro, lixeira com cata caca, piscina de bolinha, banco para que os tutores possam se acomodar enquanto o pet brinca e está à disposição, pelo whatsapp, uma veterinária 24h. Para a área de refeição, existem mesas reservadas com ganchos para prender o pet. “A família com pet se sente mais acolhida tendo um espaço destinado, ficam até mais à vontade, por exemplo na hora do café da manhã ou outras refeições, tendo uma mesa especial para eles”, afirma Rafaela Corsi Barbosa, proprietária da Vale das Orquídeas.

Hotel Fazenda 7 Belo também recebia animais de pequeno e médio porte. “Aderimos ao selo para uma maior visibilidade e segurança de regras de conduta para os hóspedes e o hotel”, conta Paulo Bueno, gerente do hotel. Agora as mesas externas estão sinalizadas para que possam fazer a refeição com o pet e demais regras de convivência já eram praticadas.

Todas as empresas que adquirirem o selo também contribuem com o lado social do projeto, que tem um fundo para apoiar ações da causa animal na cidade, como arrecadação de ração, campanhas de vacinação e de castração, por exemplo. Atual campanha que conta com o apoio do projeto é a de adoção. Com o slogan “Não compre, adote. Amor não tem raça”, a ideia é incentivar as pessoas a escolherem um cachorro no canil municipal.

“Socorro Destino Petfriendly” é uma realização da prefeitura da Estância Hidromineral de Socorro, Conselho Municipal de Turismo e Associação de Turismo da Estância de Socorro, com consultora e equipe especializadas.

Saiba mais destalhes do projeto “Socorro Destino Petfriendly” acessando:   https://socorro.tur.br/petfriendly/ 

Piscina pet no Chalés Santa Catarina – VGCOM – ASTUR – Shane Glen

Outras Notícias

Turismo

Praça Roosevelt Construída na década de 60, entre as ruas Consolação e Augusta, a Praça Franklin Roosevelt, homenagem do prefeito da época, José Vicente Faria

Leia mais